Força tarefa da Procuradoria da República e MPPA é criada para investigar a Norsk Hydro no PA

0
76
Barcarena, Pará - Impacto ambiental de obras na Amazônia, planta da Albras, controlada pela Norsk Hydro. (Foto: Pedrosa Neto/Amazônia Real)

Após o vazamento que causou impactos ambientais e danos à saúde da população de Barcarena, no nordeste paraense, a empresa Hydro Alunorte será investigada por uma força tarefa do Ministério Público Federal (MPF) e do Estado do Pará (MPPA). A portaria conjunta MPF-MP nº 1 é de 7 de março de deste ano.

Segundo o documento assinado pela procuradora geral da República Raquel Elias Ferreira Dodge e pelo procurador geral de Justiça do Estado do Pará Gilberto Valente Martins, a força tarefa tem como objetivo investigar os danos, indenização das vítimas e reparar os danos, além de analisar e qualificar aspectos e questões referentes aos impactos sociais e ambientais decorrentes do vazamento de materiais, resíduos e rejeitos químicos das atividades da Hydro.

A investigação será composta pela coordenadora e pelo promotor de Justiça Auxiliar do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente do MP do Pará; promotores de Justiça da Comarca de Barcarena; Promotoria de Justiça Agrária de Castanhal; Procuradores da República Ricardo Augusto Megrini, Felipe de Moura Palha e Silva e Ubiratan Cazetta.

Fonte: G1 Pará

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here